Julho Sem Plástico

Julho Sem Plástico

Não há muitas datas que nos preocupemos em festejar. A maior parte das efemérides vem acompanhada de um incentivo ao consumo e, ainda que este possa ser feito de forma consciente e responsável, não estão entre as prioridades da Terra Batida. Ainda assim, todos os momentos são bons para treinar o músculo da diminuição de desperdício.

Desta data gostamos muito. Isto é, daquilo que se assinala este mês. Julho Sem Plástico, ou Plastic Free July, é uma iniciativa à escala global em que se pretende trazer a atenção de tantas pessoas quanto possível para o problema do uso de plásticos e procurar incentivá-las a ter um mês inteiro sem plásticos. 

É um desafio e há várias formas de o encarar. Pode haver quem queira enfrentar o mês todo ou quem queira fazer a experiência durante um dia ou uma semana. Há quem direccione o seu esforço para a recusa de plásticos descartáveis; há quem prefira dizer “não” a todo e qualquer plástico. E pode também haver quem o queira replicar ao longo do ano, porque não? Ter por exemplo, uma semana por mês sem plástico! 

Seja como for, o importante é que se dê o primeiro passo, porque é assim que ocorrem as verdadeiras transformações. 

Passar um período de tempo sem plástico implica uma mudança verdadeira, porque nos obriga a deixar os automatismos com que crescemos. Por exemplo, antes de ir às compras, pensar no que se vai comprar e como se vai trazer para casa: como trazer as sardinhas para a sardinhada de sábado? Como trazer o queijo? Tenho comigo o saco do pão, mas e se quiser trazer croissants, tenho saco? O detergente para a roupa está a acabar, como comprar detergente mantendo-me fiel ao meu desafio? Ou estar já na loja e perceber que não pensamos em tudo e afinal é preciso um saco extra para os morangos que estão com óptimo aspecto - o que fazer?

Para as pessoas para quem isto tudo possa parecer demasiado, porque não “atacar” um problema de cada vez. Por exemplo, numa semana, deixar de utilizar garrafas de água descartáveis, concentrar-se no esforço diário de lembrar de levar a garrafa e pensar em que locais a vai poder encher. Numa outra semana, abandonar os sacos de plástico descartáveis que são fornecidos gratuitamente nos supermercados, normalmente na secção das frutas e do pão. Que alternativas utilizar, comprar sacos ou fazer com retalhos de tecido?

Não menosprezando nunca a importância das “pequenas” decisões que tomamos no dia a dia e que, somadas ao longo da vida, e somadas ainda com todas as pessoas do mundo que se juntam a nós e tomam as suas “pequenas” decisões de mudança, sigamos rumo a um mundo sem plástico. Um Julho sem plástico, para começar. 

A Fundação Plastic Free July, estima que 120 000 000 de pessoas em todo o mundo se vão comprometer, neste mês de Julho de 2019, com alguma mudança na sua vida. No site da organização, é possível juntarmos o nosso nome a este número já impressionante e escolher como vamos aceitar este desafio: um dia, uma semana, um mês, no trabalho, em casa, em todo o plástico, com o plástico descartável, etc. Passamos então a receber dicas e palavras de incentivo ao longo do mês, troca de experiências e informações importantes. É uma comunidade global. 

Quem quer fazer parte?